Plano CV cota 9,2732 | Plano PAI I cota 1,5438 | INPC 0,10% | Poupança 0,37% Dados de julho
INFRAPREV

Que tipo de aposentadoria você vai optar?

19/06/2019

Se você está inscrito no Programa de Incentivo à Transferência e à Aposentadoria (PDITA) ou no DIN é hora de decidir a forma de recebimento do benefício de aposentadoria – renda vitalícia ou por período certo. 

A opção deve ser informada quando da solicitação de aposentadoria no Infraprev, uma vez que a concessão começa a valer no dia seguinte à data do requerimento no Instituto.

Renda Vitalícia: É uma decisão pensando no futuro. Ela garante tranquilidade e segurança já que é uma renda para a vida toda assim como a do INSS. Além disso, em caso de falecimento, os beneficiários vitalícios reconhecidos pela Previdência Social recebem pensão de forma continuada.  

Renda por Período Certo: Pode ser opção para casos específicos. Não é uma decisão de longo prazo, já que após o período determinado o participante deixa de receber o benefício. O prazo varia de 5 a 20 anos. O beneficiário só tem direito a pensão, se o participante falecer durante esse período e receberá pelo tempo restante. 

Para decidir é bom levar em consideração a expectativa de vida do brasileiro, uma vez que está vivendo mais. Outro ponto que deve ser avaliado são as despesas continuadas do seu orçamento familiar, como por exemplo os gastos com saúde.

Fique atento. Caso o requerimento de aposentadoria não seja feito no mês do desligamento da Infraero, o participante entra em Benefício Proporcional Diferido (BPD) e terá de pagar a sua contribuição administrativa mensal e a do patrocinador, até a data do requerimento.

Nos próximos dias divulgaremos um texto aqui no portal orientando o participante sobre como requerer aposentadoria no Infraprev.