Plano CV cota 8,1333072 | Plano PAI I cota 1,473635442 | INPC 0,07% | Poupança 0,39% Dados Março
PREVIDÊNCIA

Fundos de pensão fazem balanço positivo de 2012

22/04/2013

O patrimônio líquido das entidades fechadas de previdência complementar (fundos de pensão) alcançou R$ 641,725 bilhões no exercício de 2012, um crescimento anual de 11,85%, ante os avanços anteriores de 6,55% em 2011 e de 9,4% em 2010.
“O setor está maduro e saudável. Os estoques anteriores de títulos públicos pagam bem mais que as metas atuais em torno de 5,5% ao ano mais a inflação”, diz o diretor-executivo da Associação Brasileira das Entidades Fechadas de Previdência Complementar (Abrapp), Luís Paulo Brasizza. Mas na persistência do cenário de juros baixos, o diretor acredita que mais entidades terão que reduzir suas metas atuariais nos próximos anos. “A curva de juros é decrescente e a maior parte dos investimentos está concentrada em renda fixa, haverá a necessidade de diversificação e de melhorar a capacidade de análise de risco de outros ativos”, aponta.
Brasizza identifica que as fundações deverão buscar ainda em 2013, oportunidades em fundos de ações não correlacionados ao Ibovespa e ao Ibrx-50. “Os investimentos estruturados em operações de infraestrutura ou imobiliários também serão alternativas, mas exigiram trabalho de análise e de adequação aos prazos de retorno”, diz.
Quanto ao longo prazo, o diretor da Abrapp vê a possibilidade das entidades realizarem parcerias para gerir fundos de investimentos com ativos no exterior. “Fundos baseados no Brasil, com no mínimo 4 entidades dividindo uma carteira com ativos internacionais, e obedecendo o limite de 25% da legislação”, exemplificou. Em dezembro passado, o investimento no exterior representava apenas R$ 380 milhões ou 0,1% dos ativos, sendo R$ 348 milhões em títulos de dívida internacional e R$ 32 milhões em ações de companhias estrangeiras.

* Fonte primária da informação Panorama Brasil