Plano CV cota 8,25827 | Plano PAI I cota 1,498042 | INPC 0,30% | Poupança 0,37% Dados Setembro
SUSTENTABILIDADE

INFRAPREV Sustentável: utilize sacolas ecológicas

16/12/2014

A dica da semana da campanha INFRAPREV Sustentável é sobre a preferência da utilização de sacolas ecológicas. Elas são produzidas a partir de substâncias que, sob a ação de condições naturais, se desfazem em um tempo consideravelmente menor, bem diferente das sacolas plásticas. Veja a dica completa no Facebook.

PREFIRA SACOLAS ECOLÓGICAS
O maior problema relativo ao uso das sacolas plásticas reside exatamente no mesmo motivo que as colocou à nossa disposição: sua grande durabilidade. A estruturação do plástico dificulta sua deterioração, podendo levar até um século para desaparecer do meio ambiente. 
As chamadas “sacolas ecológicas” são produzidas a partir de substâncias que, sob a ação de condições naturais, se desfazem em um tempo consideravelmente menor. Com materiais reciclados ou retornáveis, as novas sacolas são feitas de fibras de garrafas PET, de Tecido Não Tecido – TNT (resina 100% reciclável), algodão cru, palha, entre outras substâncias.
Embora testes conduzidos em 2011 pela Universidade Federal de Minas Gerais, indiquem falhas na produção brasileira de sacolas ecológicas, apontam também um grupo seguro de produtos, como o saco biodegradável compostável. Material feito à base de amidos ou de bagaço da cana-de-açúcar, possui decomposição natural no prazo de 180 dias.
Vale lembrar que se as sacolas ecológicas foram criadas em prol do meio ambiente e não para entrar no rol do consumo por moda, imotivado ou desnecessário, pois no compasso do crescimento mundial isso só faria produzir ainda mais lixo, mesmo que por pouco tempo.
Prefira sacolas ecológicas e ajude o meio ambiente! 
(Fontes: em.com.br; colunas.revistaepoca.globo.com; reciclaveis.com.br; i-ideais.org.br; esacola.com.br)

 

PREFIRA SACOLAS ECOLÓGICAS

O maior problema relativo ao uso das sacolas plásticas reside exatamente no mesmo motivo que as colocou à nossa disposição: sua grande durabilidade. A estruturação do plástico dificulta sua deterioração, podendo levar até um século para desaparecer do meio ambiente. 

As chamadas “sacolas ecológicas” são produzidas a partir de substâncias que, sob a ação de condições naturais, se desfazem em um tempo consideravelmente menor. Com materiais reciclados ou retornáveis, as novas sacolas são feitas de fibras de garrafas PET, de Tecido Não Tecido – TNT (resina 100% reciclável), algodão cru, palha, entre outras substâncias.

Embora testes conduzidos em 2011 pela Universidade Federal de Minas Gerais, indiquem falhas na produção brasileira de sacolas ecológicas, apontam também um grupo seguro de produtos, como o saco biodegradável compostável. Material feito à base de amidos ou de bagaço da cana-de-açúcar, possui decomposição natural no prazo de 180 dias.

Vale lembrar que se as sacolas ecológicas foram criadas em prol do meio ambiente e não para entrar no rol do consumo por moda, imotivado ou desnecessário, pois no compasso do crescimento mundial isso só faria produzir ainda mais lixo, mesmo que por pouco tempo.

Prefira sacolas ecológicas e ajude o meio ambiente! 

(Fontes: em.com.br; colunas.revistaepoca.globo.com; reciclaveis.com.br; i-ideais.org.br; esacola.com.br)